Translate/Tradutor

18 de novembro de 2012

BRINQUEDOS EDUCATIVOS OU BRINQUEDOS DA MODA?


Sempre gostei de comprar brinquedos aos meus filhos. Quando eu era pequena, os meus pais não podiam gastar com brinquedos, pois roupas e livros eram caros demais e preferiam me vestir e dar cultura do que me encher de brinquedos. Entendo e agradeço a opção que fizeram por mim, mas confesso que amava ganhar brinquedos e sonhava sempre em ter uma bicicleta. Sonho, pasmem, que até hoje não consegui realizar. Não que não tenha dinheiro para comprá-la, mas é que preferi dar a bicicleta ao meu filho mais velho e ele nem curtiu tanto como eu curtiria aos sete anos de idade.

Hoje, quando penso em comprar brinquedos, penso logo em um que seja educativo. Penso que seja mal de professor. Quer ensinar a todo custo. Participar do conhecimento do outro de alguma maneira. 

A postagem de hoje se reflete em minha frustração com alguns brinquedos educativos. Meses atrás, eu comprei um ônibus de madeira com encaixes (pinos) para colocar na parte superior. Na loja achei o maior barato e estava dentro da faixa etária de meu bebê, que na época tinha oito meses (hoje, um ano). Achei o máximo o jeito dele tirar e colocar os pinos nos lugares certos e me descuidei, por um instante, olhando para TV. Foi o suficiente para que o meu filho mais velho gritasse: "Mãe, o Miguel!". Quando olhei, um dos pinos do ônibus estava preso entre o céu da boca e os dois dentinhos da frente. Ele não conseguia engolir e nem colocar para fora e isso causou vômitos.

Um instante (e leia-se, geralmente, brinco junto... Faço questão, mas neste dia... Acreditei no selo de qualidade, no tamanho do brinquedo, na faixa etária...) e tive a certeza de que brinquedos educativos, às vezes, podem ser perigosos. Por isso, minha sugestão de hoje: ainda que tenha a certeza de que é seguro. esteja sempre com seu bebê e observe-o com qualquer tipo de brinquedo. 

Farei uma ressalva aos destemidos "brinquedos da moda", que muita gente descrimina e confronta pedagogicamente. O Natal está próximo e você vai se deparar nas lojas com "zilhões" de opções de brinquedos e vai se perguntar se pode ou não dar a esta ou aquela criança.  Se vale ou não à pena comprar, se a criança irá gostar, quebrar em menos de 24 horas ou ter cuidado e adorá-lo de primeira, brincando exaustivamente no dia de Natal e demais dias após... Os "brinquedos da moda", às vezes, valem mais a pena que os educativos. No entanto, ainda acredito que os educativos tem muito a oferecer.

Então... Ou você escolhe e espera a reação da criança presenteada ou compra o que ela pedir e veja a sua reação quanto a isso. O importante é que brinquedos educativos ou não... TODA CRIANÇA MERECE GANHAR UM!

Um comentário:

  1. Vale a pena conferir o link da Revista Nova Escola:

    http://revistaescola.abril.com.br/jogos-brincadeiras/?utm_source=redesabril_fvc&utm_medium=facebook&utm_campaign=redesabril_novaescola&

    ResponderExcluir

Agradecemos o seu comentário. Ele será publicado, após moderação. Lembre-se de que crianças acessam este espaço, então, comente com educação e respeito. Não deixe de nos visitar novamente. Divulgue os textos com os devidos créditos. Se houver alguma foto de sua autoria, nos informe pelo e-mail com link para averiguação. Muitas das fotos aqui expostas foram tiradas das imagens do Google. Obrigada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge