Translate/Tradutor

8 de outubro de 2013

DESTRO OU CANHOTO - ESTIMULAR OU OBSERVAR?



Observar crianças desenhando é algo muito importante. A partir do modo como desenham o material que usam ou o tempo que se dedicam a arte do rabisco ou traços mais definidos, podemos perceber que a ilustração pode levar mães (como eu) a ficarem babando (emocionadas) ou professoras (como eu também) ficarem intrigadas. 

Essa semana, meu filho de um ano e 11 meses pegou um giz e foi até à parede do muro de nossa casa para realizar sua arte. O que me surpreendeu não foi vir a parede riscada de giz, pois basta jogar água que giz sai.  O que me fez prestar atenção foi a fora como ele mudava o giz de mão e usava para desenhar no muro. Na verdade, pedagogicamente, ele deveria usar um giz mais grosso e não um giz comum (fino), pois a coordenação motora pede estímulos com o giz de cera grosso ou giz branco grosso. Bem, ele desenhou. A bobinha aqui tirou foto. Ficou até bonitinha. No entanto, o que me fez observá-lo sem chamar a atenção foi mesmo a forma de como segurava o giz e ele deu conta da criação.

Com certeza, em todo tempo que lecionei em escolas particulares na área de Educação Infantil, eu me deparei com uma imensa quantidade de alunos que usaram giz de cera e muitos eram destros. Se eu tive a oportunidade de ter dois ou três alunos canhotos... Foi muito. 

Segundo a Revista Crescer, deste mês, as estatísticas mundiais afirmam que “apenas uma em cada dez pessoas usa a mão esquerda com mais frequência do que a direita”. Todos sabem que a escolha da mão que se usará para escrever ou firmar apoio é feita, em geral, antes dos oito anos. Isso, porque o processo de alfabetização é fundamental nessa determinação ou escolha.

Meu filho mais velho escrevia com as duas mãos até os quatro anos de idade. Hoje, aos oito anos é destro, mas consegue fazer bastante coisa com a mão esquerda. Já o meu bebê, tende a ser canhoto. Digo isso devido às observações que fiz com ele brincando de jogos de encaixe e bola. No entanto, isso pode mudar nos próximos anos, pois na hora de pegar giz de cera, ele pega com a direita e em seguida com a esquerda. Então, a “escolha” ainda não foi feita.

O neuropediatra Luiz Celso Vilanova, da Universidade Federal de São Paulo, em entrevista a Revista Crescer, afirmou: “Existem evidências fortes de que ser canhoto ou destro é uma questão genética mesmo. Por exemplo, analisando a população até hoje não foi encontrada uma tribo que seja predominantemente canhota. Se fosse uma questão cultural, como no passado se acreditava alguma tribo ou comunidade teria mais o hábito de usar a mão esquerda. Também há indícios de hereditariedade. Se os dois pais são canhotos a criança tem três vezes mais chance de ser canhota”.

A habilidade de cada pessoa é que determinará a escolha, pois a questão genética já foi comprovada e as questões ambientais possuem uma participação muito grande nesse processo.

O importante é que nós (pais ou professores), não venhamos a forçar uma escolha inadequada sobre o estímulo que essas crianças sofrerão. Não devemos forçar nada. O estímulo certo é deixar a criança fazer a escolha sem forçar pela sua preferência.

* O muro pintado pelo meu filho ficou lindo com a ajuda que recebeu dos primos. Meu esposo é que não gostou muito. 

Mais detalhes sobre este assunto:
http://revistacrescer.globo.com/Criancas/Desenvolvimento/noticia/2013/10/canhoto-ou-destro-como-identificar-tendencia-do-seu-filho.html

2 comentários:

  1. gostei e já estou te seguindo
    http://soniamaralpereira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Professora Sonia, já conheço seu trabalho e sigo o seu blog há tempo. Que bom que veio fazer uma visita! Obrigada!

      Excluir

Agradecemos o seu comentário. Ele será publicado, após moderação. Lembre-se de que crianças acessam este espaço, então, comente com educação e respeito. Não deixe de nos visitar novamente. Divulgue os textos com os devidos créditos. Se houver alguma foto de sua autoria, nos informe pelo e-mail com link para averiguação. Muitas das fotos aqui expostas foram tiradas das imagens do Google. Obrigada!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Google+ Badge